Daihatsu Hijet Mini Truck

O Mini Truck Daihatsu Hijet é produzido desde 1960. Conhecido em japonês como Midget, o caminhão é um dos caminhões Kei mais populares do mercado. O caminhão Kei não é da mesma família que a Toyota, que tem um nome semelhante. A produção do Daihatsu desatualizou o Toyota Hijet em 20 anos. Houve 10 gerações do modelo. Saber as diferenças entre as gerações é importante. Aqui está o que você precisa saber sobre o Mini Truck Daihatsu Hijet.

Não apenas um caminhão

Embora o primeiro caminhão Kei com o nome Daihatsu Hijet tenha sido lançado em 1960, não é o único tipo de veículo a ter o nome. Em 1961, a empresa lançou uma cabine sobre micro-van. A van tinha características semelhantes às do caminhão Kei. Tanto o caminhão quanto a van dos primeiros modelos tinham motor de dois tempos. Isso significava que o piloto se sentava atrás do motor. Para ambos os modelos da primeira geração, a velocidade máxima foi de 47 mph.

Os primeiros modelos tinham uma aparência quadrada, escolhendo a funcionalidade em vez da estética. Porém, em 1964, as primeiras gerações receberam uma atualização. Dando ao veículo uma unidade cromada e uma carroceria mais robusta, o modelo ganhou um aspecto mais competitivo. No entanto, o veículo ainda manteve os faróis quadrados e o design da grade quadrada. Não foi até as mudanças de meia geração que o design quadradão da carroceria foi reduzido.

Primeiras gerações do mini caminhão Daihatsu Hijet

Após a primeira geração, os próximos ofereceram várias mudanças para o Daihatsu Hiject Mini Truck. A reforma das portas foi feita para corrigir os problemas com o design com dobradiças traseiras das gerações anteriores. Além disso, um motor ZM foi implementado dando ao mini caminhão um impulso para 53 mph. Este aumento não se aplica à versão totalmente elétrica, que também foi oferecida na mesma época. Em 1971, o caminhão Daihatsu Hijet Mini foi redesenhado com um caminhão todo de chapa metálica. Isso produziu um veículo mais leve com um design menos quadradão em relação aos modelos anteriores.

A van também viu mudanças ao longo dos anos. Especificamente, um projeto de van lateral foi introduzido no início dos anos 70, oferecendo acesso pela porta lateral. Este projeto deu à van a estética do Volkswagen sem o tamanho do veículo. Os pára-choques foram renovados para permitir placas de carro de tamanho normal.

As primeiras gerações dos caminhões Daihatsu Hijet Mini eram mais quadradas. Isso mostra um final dos anos 80, que mudou alguns dos recursos.

Mudanças e recursos de geração média

O final dos anos 70 mostrou muitas mudanças para o Daihatsu Hijet Mini Truck . Primeiro, o caminhão recebeu uma carroceria mais longa e mais larga. Este corpo mais longo significou que o chassi geral teve que ser refeito. O design usado nas gerações intermediárias também era mais amplo. Como tal, o motor foi movido para trás. Acessar o motor tornou-se tão simples quanto levantar o banco dianteiro. No geral, as gerações intermediárias ajudaram a mudar a aparência para um design mais redondo. Os faróis foram substituídos por opções mais arredondadas. O clipe frontal também foi substituído algumas vezes, especialmente quando havia mudanças no chassi.

Principalmente, o motor permaneceu dois tempos, embora tenha havido uma introdução de um motor de quatro tempos. No início dos anos 80, o motor foi mudado novamente. Essa mudança permitiu uma transmissão com tração nas quatro rodas. Em 1986, o motor foi substituído por um de três tempos. Isso era algo não oferecido nas gerações anteriores. Como o veículo era mais largo e mais comprido, o veículo recebeu o apelido de Hijet Wide por um tempo.

O Daihatsu Hijet Mini Truck também mudou suas versões de van durante o final dos anos 70 e início dos anos 80. Uma das mudanças mais substanciais foi a introdução da van de painel. Ao contrário da van deslizante e da cabine, a van de painel era simplesmente uma caixa colocada sobre a caçamba do caminhão Dauhatsu Hiject Mini.

A nona e atual geração

Talvez as maiores mudanças no Daihatsu Hijet Mini Truck ocorram na nona geração. Em primeiro lugar, a carroceria do caminhão mudou para um design de semicabina, em vez da cabine com motor central em relação ao design das gerações anteriores. O caminhão também foi aprimorado para ter um design arredondado para atender às demandas do mercado. O design acompanhou os da indústria e, portanto, existem várias opções disponíveis para a nona geração.

A geração atual começou em 2004. Ao contrário de outras gerações, esta é a primeira geração a não oferecer o caminhão Daihatsu Hijet até o final dos anos 2020/21. Apenas a van está disponível. A van é oferecida com um motor turbo e tem tração nas rodas traseiras. Tanto a nona como a décima geração são oferecidas no Japão e na Indonésia. A Toyota também comercializou o caminhão, embora o chame de Toyota Pixis Van. Embora o modelo atual seja de porta deslizante, há a opção de van de painel em alguns modelos.

Mudanças tremendas no painel, na cabine e na tecnologia são vistas nos modelos mais recentes. Isso inclui os sensores de freio e outros componentes eletrônicos, design de cabine alta e opções de rádio digital. Mais elegante e cheio de curvas, a geração atual traz o Daihatsu Hiject Mini Truck para ser um dos caminhões Kei mais vendidos no mercado.

 Daihatsu Hijet Mini Truck geração atual.

Você deve comprar um Mini Truck Daihatsu Hijet?

Há vários motivos pelos quais um Mini Truck Daihatsu Hijet pode ser a melhor opção para suas necessidades automotivas. Em primeiro lugar, o veículo é pequeno, o que permite uma navegação rápida e precisa. Isso é ideal para aqueles que precisam passar por becos estreitos, canteiros de obras ou se locomover em ruas de mão única. A carroceria do caminhão tem uma carga de peso substancial, tornando o veículo ideal para usos agrícolas . E, como o Daihatsu Hijet Mini Truck pode navegar por terrenos íngremes, ele é um ótimo veículo off-road.

Ao considerar seu caminhão Daihatsu Hijet Mini, verifique as opções de importação e exportação. Alguns distritos só permitem a importação de caminhões com 25 anos ou mais, embora os novos regulamentos de importação possam permitir alguns modelos. Os impostos e o registro devem ser verificados tanto no seu estado quanto nos escritórios locais. Algumas áreas oferecem opções na estrada para o Daihatsu Hijet Mini Truck se ele for usado para fins agrícolas.

Daihatsu Hijet Mini Truck

The Daihatsu Hijet Mini Truck has been produced since 1960. Known in Japanese as the Midget, the truck is one of the most popular Kei Trucks on the market. The Kei truck is not in the same family as the Toyota, which bears a similar name. The production of the Daihatsu outdated the Toyota Hijet by twenty years. There have been 10 generations of the model. Knowing the differences between the generations is important. Here is what you need to know about the Daihatsu Hijet Mini Truck.

Not just a truck

 While the first Kei Truck bearing the name Daihatsu Hijet was introduced in 1960, it is not the only type of vehicle to have the name. In 1961, the company introduced a cab over micro-van. The van held similar traits to the Kei Truck. Both the truck and the van of the first models had a two-stroke engine. This meant that the rider sat behind the engine. For both of the first-generation models, the top speed was 47mph.

The early models were boxy in appearance, choosing functionality over aesthetics. However, in 1964, the first generations received an update. Giving the vehicle a chromed unit and a more robust body, the model took on a more competitive appearance. However, the vehicle still kept the square headlights and boxy grill design. It was not until the mid-generation changes that the boxy design of the body was reduced.

Early Generations of the Daihatsu Hijet Mini Truck

After the first generation, the next few offered various changes to the Daihatsu Hiject Mini Truck. Rehanging the doors was done to fix the issues with the rear-hinged design of prior generations. Additionally, a ZM engine was implemented giving the mini truck a boost to 53 mph. This increase does not apply to the all-electric version, which was also offered at about the same time. In 1971, the Daihatsu Hijet Mini truck was redesigned with an all Sheetmetal truck. This produced a lighter vehicle with a less boxy design from the prior models.

The van also saw changes over the years. Specifically, a side van design was introduced in the early 70s, offering side door access. This design gave the van the aesthetics of the Volkswagen without the size of the vehicle. Bumpers were revamped to allow for full sized license plates.

Early Generations of the Daihatsu Hijet Mini Trucks were boxier. This shows a late 80s which changed some o f the features.

Mid Generation Changes and features

The late 70s showed much change for the Daihatsu Hijet Mini Truck. First, the truck received a longer and wider body. This longer body meant that the overall chassis had to be redone. The design used in the mid generations was also wider. As such, the engine was moved back. Accessing the engine became as simple as lifting the front seat. Overall, the mid-generations helped to change the look to a rounder design. Headlights were replaced with rounder options. The front clip was also replaced a few times, especially when there were changes to the chassis.

Mostly, the engine remained a two stroke, though there was an introduction of a four-stroke engine. In the early 80s, the engine was changed again. This change allowed for a four-wheel-drive transmission. In 1986, the engine was replaced with a three-stroke. This was something not offered in prior generations. As the vehicle was wider and longer, the vehicle received the nickname of the Hijet Wide for a time.

The Daihatsu Hijet Mini Truck also changed its van versions during the late 70s and early 80s. One of the most substantial changes was the introduction of the panel van. Unlike the slide van and the cab over, the panel van was simply a box placed upon the bed of the Dauhatsu Hiject Mini truck.

The Ninth and Current generation

Perhaps the greatest changes to the Daihatsu Hijet Mini Truck occurred in the ninth generation. First, the truck’s body changed to a semi cab design rather than the mid-engine cab over design of the prior generations. The truck also got refined to have a rounder design to match the demands of the market. The design followed with those of the industry and therefore there are several options available for the ninth generation.

The current generation started in 2004. Unlike other generations, this is the first generation not to offer the Daihatsu Hijet Truck until late in the 2020/21 years. Only the van is available. The van is offered with a turbo engine and is rear wheel driven. Both the ninth and the tenth generation is offered in Japan and in Indonesia. Toyota has also marketed the truck, though they call it the Toyota Pixis Van. Though the current model is slide door, there is the option of the panel van on certain models.

Tremendous changes to the dash, cabin and to the technology are seen in the newest models. This includes the brake sensors and other electronics, high cabin design, and digital radio options. Sleekier and filled with curves, the current generation brings the Daihatsu Hiject Mini Truck to being one of the top selling Kei trucks on the market.

 Daihatsu Hijet Mini Truck current generation.

Should you purchase a Daihatsu Hijet Mini Truck?

There are several reasons a Daihatsu Hijet Mini Truck may be the best option for your automotive needs. First, the vehicle is small, which allows for quick and precise navigation. This is ideal for those which need to navigate tight alleyways, construction sites, or get around on one-lane streets. The bed of the truck has a substantial weight load, making the vehicle ideal for agricultural uses. And, as the Daihatsu Hijet Mini Truck can navigate steep terrain, it makes for a great off-road vehicle.

When considering your Daihatsu Hijet Mini truck, check the import and export options. Some districts only allow for trucks which are 25 years old or older to be imported, though new importation regulations may allow for certain models. Tax and registration should be checked with both your state and your local offices. Some areas offer on-road options for the Daihatsu Hijet Mini Truck if it is used for agricultural purposes.